15 de mar de 2014

Fábrica de Jupiter, Pripyat

Fábrica de Jupiter, Pripyat

Antes do acidente na usina nuclear de Chernobyl, a fábrica de Júpiter era uma fabricante de componentes elétricos feitos principalmente para uso em gravadores. Porém há muitos rumores de uma ligação militar, e dada a natureza da indústria de defesa, na época, é muito possível que hája verdade nisso. Era uma das maiores empregadoras de pessoas em Pripyat.

Após o desastre, em 1986, a fábrica foi completamente descontaminada, e continuou a funcionar, já que era inviável na época abandonar um complexo tão grande. Nesses tempos, ela abrigou laboratórios de radiologia usadas para testar técnicas de descontaminação e vários outros equipamentos. O laboratório funcionou até 1996, ano em que a fábrica foi abandonada para sempre.



Localizado nos arredores de Pripyat, a uma curta distância, a fábrica possui inúmeros edifícios, com complexos de escritórios. Localizado no centro do local há um grande edifício onde ficava a fábrica, cercado por uma série de edifícios menores. O local é realmente muito grande.

Vários quartos foram adaptados ou convertidos em alojamentos cheios de sofás, cadeiras e camas, todos estado de decomposição. Roupas ainda pairam sobre as portas, ao lado de prateleiras e armários cheios de livros.

Há vários cartazes de alerta ao redor da fábrica, detalhando as precauções que devem ser observadas quando se trabalha com radiação, um sinal claro de seu uso passado.

Dizem os rumores que ela ainda esconde muitos segredos em seus porões (estão totalmente inundados), dizem até que ainda é vigiada pelo exercito.

Só pra constar, o local foi cenário no jogo "Stalker call of pripyat".

Confiram as fotos.













































Um comentário:

Seu comentário é muito importante para nós! Obrigado!